Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

eight – health lounge, o novo restaurante de comida saudável onde tudo é vegan e fresco

15.png

Aqui não há tostas nem sumos, há "toasts" e "juices". O novo restaurante vegan de Lisboa chama-se Eight e promete "plant based food" num "health lounge" onde pode "sit down" e "taste life" seguindo 8 "life-changing health principles". Perante um tão arrasador cosmopolitismo linguístico, peguei no meu Oxford Dictionary e rumei confiante até à Praça da Figueira – ou Fig Tree Square, se preferir –, em Lisboa, para provar as novas enormes saladas (peço desculpa pelo aportuguesamento), as tostas, os smoothies ou os panini servidos num saudável pão integral de trigo.

 

smoothie de mirtilos e amêndoa sem glúten nem lactose

Se há coisa que me anima logo de manhã é um pequeno-almoço cheio de cor. E sou fã da cor deste smoothie que descobri no blog da Donna Hay. Apetece pôr num frasco numa prateleira da sala ao lado de umas flores do campo, como se fosse um objeto decorativo. É tão giro que até tenho pena de beber, mas lá terá de ser! Ainda por cima é facílimo de fazer.

Só preciso de amêndoas, tâmaras sem caroço, mirtilos frescos ou congelados, leite de amêndoa, gelo e sementes de chia pretas para decorar.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para fazer 1 litro de smoothie, espreite aqui a receita original.

almond_and_blueberry_smoothie.jpg

 

 

4 pequenos-almoços ideais para evitar aqueles ataques de fome a meio do dia

É um verdadeiro serviço público à Nação que não consegue manter-se afastada do frigorífico durante a noite, que não é capaz de resistir a um bolinho ao longo da manhã, que não aguenta evitar o chocolatinho à hora do lanche.

Vários estudos recentes adiantam que a solução para esses ataques de fome está num pequeno-almoço rico em proteínas. E alguns concluem mesmo que 30 g de proteína pela manhã é a quantidade ideal para evitar as quebras de açúcar, ajudar a construir uma massa muscular magra e contribuir para a perda de peso.

Felizmente, o blog My Fitness Pal, especializado em ajudá-lo a manter um estilo de vida saudável ao longo do dia, preparou um trabalho fundamental para fazer a minha querida Mulher Mistério manter a sua tão prezada e estimada linha: preparou um verdadeiro guia com várias opções de pequenos-almoços com 30 g de proteínas. Há soluções mais calóricas e outras mais dietéticas. Estas foram as quatro que eu escolhi para cozinhar cá em casa. Mas encontra mais opções aqui

propteinas2.jpg

 

cheesecake de chocolate com bolachas oreo para preparar em 10 minutos

Eu sei. Deviam erguer-me um altar. Uma pessoa está em dieta rigorosa e tem de olhar para estas fotografias e falar de receitas assim… é de enlouquecer. Acho mesmo que me deviam santificar ou beatificar porque a minha generosidade, de facto, não tem limites. Os sacrifícios que eu faço pelos meus queridos Filhos Mistério e eles nem dão o devido valor? Mas mãe é mãe. Mãe perdoa tudo e faz este enorme sacrifício que é fazer esta sobremesa incrível que descobri no blog Miss in the Kitchen para eles. Porque eles merecem.

Só perde 10 minutos a preparar e depois é só uma hora no frigorífico. Pode perfeitamente fazer a um dia de semana.

Vou precisar de pepitas de chocolate, leite, queijo creme, açúcar de confeiteiro, chantilly e bolachas Oreo (esmagadas e inteiras para decorar).

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 6 a 8 pessoas, espreite aqui a receita original.

No-Bake-Chocolate-Cheesecake-Recipe-Photo.jpg

 

 

não leva batata, mas leva cenoura, gengibre e leite de coco! é a sopa perfeita para dias de chuva

Tudo o que me apetece com um tempo destes é chegar a casa e mergulhar nos braços da minha querida e estimada Sopa Mistério. E então se for quentinha, light e ajudar a combater gripes e afins, acho que consigo reunir o apoio de toda a família – crianças incluídas.

Esta delícia do fabuloso blog Dishing Up the Dirt consegue juntar os poderes sobrehumanos da cenoura às capacidades estratosféricas do gengibre. E é assim que nasce uma sopa cremosa, leve (não tem batata) e fantástica para nos ajudar a aquecer em dias de frio e chuva. Além disso, junta o sabor adocicado da cenoura assada ao toque picante do gengibre fresco. E, claro, é fácil de fazer. Como vê, são dezenas de qualidades num único prato de sopa.

Tudo o que precisa para fazer esta maravilha é de cenouras com casca cortadas em pedaços, cebola cortada em quatro, alho, tomilho, caldo de legumes, gengibre ralado e leite de coco. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

Carrot-Ginger-Soup3-better-680x1024.jpg

 

papas de aveia com banana e amêndoas caramelizadas

Segunda-feira é um dia de neura, por isso, temos de começar a semana com pequenas motivações para nos inspirar e tornar este dia menos doloroso. E qual é a coisa que mais me motiva? Comer bem, pois claro. E este pequeno-almoço que descobri no Happy Healthy Blog conseguiu a proeza de me pôr um sorriso na cara até mesmo a uma segunda-feira de manhã.

Demora 20 minutos a preparar e só preciso de flocos de aveia, leite de amêndoa ou o seu leite preferido, uma pitada de sal e canela. Para a banana frita, preciso de duas bananas, xarope de ácer, óleo de coco e canela. Finalmente, vou usar amêndoas, Nutella ou manteiga de amendoim e xarope de ácer como toppings.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 2 pessoas, espreite aqui a receita original.

Banana+split+Oatmeal+with+roasted+almonds.jpg

 

 

rolos de pizza para animar os nossos filhos que estão enfiados em casa a estudar

Em época de testes, a Mansão Mistério parece uma biblioteca só que com comida, claro. A nossa equipa de futsal gosta de estudar com os amigos. Eles dizem que é menos doloroso, eu, claro, sei perfeitamente que é muito menos produtivo. Mas sempre é melhor do que nada. Por isso, para os animar, hoje vou fazer estes espetaculares rolos de pizza com massa filo que descobri no blog Appetites Anonymous. É fácil de fazer e os miúdos adoram.

Só preciso de massa filo, manteiga derretida, pepperoni, queijo mozzarella ralado, orégãos secos, flor de sal e molho de pizza para servir.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 20 rolos, espreite aqui a receita original.

phyllo-pizza-rolls-Appetites-Anonymous-7.jpg

 

 

a maneira mais surpreendente de comer chocolate ao pequeno-almoço

Esqueça a dieta, deite fora a balança e corte a fita métrica em pedaços. Esta receita não está cá para contabilizações de calorias. É uma receita típica de um domingo para a desgraça.

Chama-se clafoutis e é a mais espectacular forma de comer chocolate ao pequeno-almoço. É uma espécie de panqueca no forno carregada de chocolate derretido por cima. Esta receita que vou fazer hoje é do fabuloso site The Kitchn e é facílima de preparar.

Tudo o que vai precisar é de manteiga, leite, açúcar, ovos, farinha, extracto de baunilha, cacau em pó sem açúcar, flor de sal, peras bem maduras descascadas e cortadas às fatias e chocolate semi-amargo picado à faca. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

21af840b9d5926f020271b7e0e0cc2a85fb55fce.jpeg

 

o programa ideal para um dia de sol: este gin tónico de sonho

O gin tónico e o sábado são como o Batatinha e o Companhia – foram feitos um para o outro. E então se estivermos num dia de sol como o de hoje, temos a união perfeita. Confesse lá: não há nada como sentar-se calmamente numa esplanada ao sol com um copo de gin na mão e um iPad com o Casal Mistério na outra, pois não?

É por isso que hoje eu não podia deixar de fazer uma receita divinal como esta da Red Magazine. Além de ser servida num copo largo, cheio de gelo, leva o sabor cítrico da toranja e um toque fresco do manjericão. Mas o melhor é ir buscar o copo enquanto eu preparo o gin.

martinmillers (1).jpg

 

 

taça de quinoa com espinafres baby, cogumelos e ovo, um brunch delicioso com apenas 225 calorias

Hoje é dia de brunch cá em casa, mas como ainda não desisti da minha dieta vou fugir das panquecas como o diabo da cruz. Não é fácil a minha vida. Mas enfim, vou enfrentar as panquecas do resto da Família Mistério com esta espetacular receita búlgara que descobri no blog Cooking LSL. É ideal para um brunch saudável e só tem 225 calorias. Ainda por cima, faz-se em 20 minutos.

Só vou precisar de azeite, cogumelos fatiados, espinafres baby, sal e pimenta preta, ovos, quinoa já cozinhada, redução de vinagre balsâmico (é só aquecer o vinagre balsâmico numa frigideira em lume médio até reduzir para metade e engrossar).

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.

spinach-mushroom-breakfast-bowl-1-1.jpg

 

 

cheesecake de lima e caju sem farinha nem leite nem açúcar

cheesecake.jpg

É o chamado Chesecake Nem-Nem. Nem tem açúcar nem tem farinha. Basicamente, não tem nada que engorde. E, melhor de tudo, é delicioso e tem este aspecto absolutamente divinal.

Foi a surpresa de ontem feita pela minha querida e estimada Mulher Mistério. Calma, não se entusiasme: é claro que Ela não fez esta maravilha para mim porque qualquer coisa que implique passar mais de dez minutos na cozinha é encarado por aquela cabeça como um filme do Fellini.

No entanto, a minha musa inspiradora apareceu-me ontem em casa com esta divinal receita. Não propriamente com a receita, mas com o novo livro da nossa querida Isabel Silva. Eu já tinha adorado o seu primeiro livro, O Meu Plano do Bem, e agora Ela foi a correr comprar o novo livro acabadinho de sair para as livrarias.

isabel.png

Chama-se A Comida que me Faz Brilhar e é um verdadeiro compêndio de receitas deliciosas e light. Há lá panquecas de banana, crepiocas, papas de aveia com coco e gengibre, bebidas, ceviches e aquilo que me faz perder verdadeiramente a cabeça e que a Isabel Silva chama "lambarices". Sim, estou a falar de bolos, doces e outras perdições. Todas light e absolutamente surpreendentes.

A minha lambarice preferida foi claramente este estrondoso cheesecake. Além de levar uma base hiper-light, feita com nozes e flocos de aveia, tem um fenomenal recheio feito com caju, lima e leite de coco. Está tentado a experimentar? Bem me parecia...

 

 

húmus de espargos selvagens para se deliciar ao longo do fim-de-semana

Esta incrível receita do blog Twigg Studios é surpreendentemente fácil e deliciosa.

Além do húmus propriamente dito, vem acompanhado de uns espargos selvagens panados e de grão tostado. É uma maravilha. O ideal é fazer hoje em grandes quantidades para ir petiscando ao longo do fim-de-semana.

Só precisa de uma lata de grão, alho esmagado, espargos selvagens, iogurte grego, molho tahini, azeite, sal, pimenta e sumo de meio limão. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente espreite aqui a receita original.

wild-garlic-asparagus-hummus-1-6.jpg

 

 

vídeo: como fazer um caril de gambas só com 200 calorias (sim, com arroz e tudo!)

DSC09317.jpg

Calma! Espere! Por muita vontade que tenha, não comece já a ofender-me. Dê-me só uns segundos para introduzir aqui o momento António Guterres do dia e fazer estas contas do PIB das dietas com todo o rigor. Na verdade, são 207 calorias criteriosamente contabilizadas pela nutricionista Ana Patrícia Pinto que criou esta receita tão deliciosa como saudável para a nossa semana mais light de sempre.

Todos os dias desta semana comemos jantares pensados pela Ana Patrícia e com menos de 300 calorias. E todos os dias tivemos surpresas deliciosas: ovos com queijo light, panquecas de legumesrolos de espinafres com atum e iogurte grego, bifes de frango com puré de courgette e agora, para acabarmos esta maratona como se fôssemos o Carlos Lopes em Los Angeles, um divinal caril de camarão com um arroz sem hidratos de carbono.

É isso mesmo que acabou de ler: o arroz é feito de konjac, uma raiz praticamente isenta de gordura, hidratos de carbono ou proteínas e que é composta essencialmente por fibra. É relativamente fácil de encontrar nos supermercados, tanto em forma de massa como em forma de arroz.

Mas antes que também me comece a chamar picareta falante, o melhor é acabar com a conversa e passar ao vídeo que ensina a fazer esta delícia.

 

 

esta receita tem este aspeto e só tem 244 calorias!

Isto é de loucos. Acredite ou não, esta receita é um pequeno-almoço! E a gorda sou eu? Como é que se consegue comer feijão logo de manhã? E a gorda sou eu? Como é que se come um prato destes ao pequeno-almoço, meu Deus? E a gorda sou eu? Pronto. Já desabafei. A vida é muito injusta. Uma pessoa passa fome e não emagrece, pessoas há que comem feijão, tomate e ovos ao pequeno-almoço e são magras. Odeio-as.

Pois é. Este “pequeno-almoço” vegetariano que descobri no blog Feasting at Home é mas é um ótimo almoço ou jantar, porque a verdade é que só tem 244 calorias e isso, nos dias que correm, é uma bênção.

Demora meia-hora a fazer e só precisa de azeite, meia cebola picada, alho picado, alecrim, salva ou tomilho, tomate picado, feijão branco, caldo de galinha ou de legumes, sal, piripíri, ovos, tostas e molho Gremolata (já explico, não se assuste) para servir.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.

1 (14).jpg

 

 

jantares com menos de 300 calorias: bifes de frango com puré de courgette

Puré de courgette??? É isso mesmo: a courgette é o António Costa da cozinha. Fica com o lugar de qualquer alimento e sai sempre bem na fotografia. Neste magnífico puré, a courgette vai substituir a batata e transformar um acompanhamento calórico num prato saudável. E cremoso. E muito mais leve do que o tradicional puré de batata.

Esta receita é a quarta receita escolhida pela nutricionista Ana Patrícia Pinto para uma semana de jantares saudáveis com menos de 300 calorias. Primeiro, tivemos uns fantásticos ovos no forno com queijo e brócolos, depois umas divinais panquecas de legumes, ontem um delicioso rolo de espinafres com recheio de atum e iogurte grego e hoje estes fantásticos bifes de frango com puré de courgette.

Confesse lá, bifes de frango tem sempre em casa, não é? Nós, pelo menos, comemos bifes de frango dia sim, dia não. Tudo o que nos faltava era um toque especial que os transformasse num prato de sonho. E fácil de fazer, claro, porque a um dia de semana ninguém tem tempo para grandes aventuras na cozinha.

IMG_58322.jpg

 

 

Pág. 1/4