Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

um brunch com ovos mexidos, croissant e um delicioso salame com frutos secos só por €6,80? bem-vindo ao brick café

1012400_585465974892565_9122848844667453504_n (1).

Acenar-me com uma factura de €6,80 é o mesmo que pôr uma câmara de televisão à frente do Donald Trump – fico fora de mim com tanto entusiasmo. E então se essa factura for para pagar um brunch com uns fabulosos cubos de salame recheados com bolacha e frutos secos, estou pronto para me atirar de cabeça das Cataratas do Niagara (é pena o Trump não alinhar nesta aventura, também...).

Como já pode ter percebido, isto tudo é uma deixa mal conseguida para lhe falar do brunch do Brick Café, em Lisboa, uma das mais felizes e românticas relações qualidade-preço que a cidade já viu.

 

tarte de figo e queijo de cabra: oh meu deus! a perfeição existe e está nesta receita

Engorda? Não quero saber! Já há poucos figos? Ainda temos alguns no frigorífico mas se não tivéssemos ia ao fim do mundo buscá-los. Adaptando a grande máxima: “A woman gotta do what a woman gotta do”, eu tenho mesmo de fazer esta espetacular receita da não menos espetacular Donna Hay.

Vou precisar de duas folhas de massa quebrada, queijo de cabra macio, figos pretos cortados ao meio, ovos, natas, cebolinho picado, parmesão ralado e sal e pimenta preta. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 8 pessoas, espreite aqui a receita original.

fig-and-goats-cheese-tart.jpg