Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

6 hotéis que adoraria visitar antes de morrer

Como é que é o poema do Gedeão? “Sempre que o homem sonha, o mundo pula e avança”? Então, sonhemos. Sonhemos que ganhámos o Euromilhões e que vamos percorrer o mundo e conhecer os hotéis mais espectaculares do planeta. Pelo menos, estamos a contribuir para um mundo melhor. Aqui fica a minha wish list.

 

petisco de fim de tarde no algarve: as óptimas ostras a 1 euro em cacela velha

Aqui não vamos para ser bem atendidos, vamos para comer como em poucos outros sítios do País. Estou a falar de ostras, claro.

 

O ambiente 

Não espere nada de muito sofisticado. Nem nada de pouco sofisticado. Sofisticado é uma palavra que ainda não chegou à Casa da Igreja. E ainda bem. Fazem falta sítios como este – que não mudam com os anos e que mantêm o estilo claramente castiço. Aqui, os bancos são corridos, o ar condicionado é uma porta aberta para a rua e as toalhas de mesa são daquele papel meio ondulado das tascas de antigamente. Aqui, quando entramos de xanato no dedo, areia nos pés e cabelo no ar, depois de um longo dia de praia, sentimo-nos como o Príncipe Carlos a entrar no McDonald's: claramente overdressed. O restaurante (não sei bem se lhe podemos chamar restaurante) é simples e quer manter-se simples.

 

 

como organizar o seu frigorífico conservando a comida durante mais tempo

Confesse lá: nunca perdeu mais de dois segundos e meio a pensar na melhor maneira de organizar o seu frigorífico, pois não? Nunca ponderou cuidadosamente se deve colocar as garrafas de cerveja nas prateleiras de cima ou de baixo, não é? E, muito provavelmente, guarda os ovos na porta do frigorífico, verdade?

Pois bem, devo confessar que a nossa vida refrigerada mudou radicalmente cá em casa desde que lemos este tratado sobre frigoríficos no Greatist. Onde arrumar cada coisa? Quais as zonas mais quentes e mais frias do frigorífico? Como conservar as alfaces e os vegetais sem os deixar apodrecer? O que guardar no frigorífico e o que deixar cá fora? São perguntas difíceis para as quais nós temos respostas fáceis.

 

 

alcachofras grelhadas com queijo da ilha, uma receita saudável para este verão

Cá em casa toda a gente é fã de alcachofras. É o que dá educar as crianças desde pequeninas a apreciar o que é bom. Todos, sem exceção, adoram alcachofras. Na maior parte das vezes, comemos cozidas com molho de manteiga ou com azeite e um fio de vinagre balsâmico. Mas esta fantástica receita que descobri no ótimo blog proud italian cook eleva a alcachofra a todo um outro patamar. Que maravilha! 

cooked1-2.jpg

 

quem quer dormir dentro de um cockpit? a noite de sonho de qualquer criança (e de alguns adultos também)

this-jumbo-jet-was-transformed-into-a-beautiful-ho

É o sonho de qualquer criança – e de qualquer adulto com uma mentalidade que ande lá próximo, como eu. Estou a falar de um hostel dentro de um avião. É verdade: em Portugal tínhamos um bar de strip dentro de um avião, os suecos têm um hostel. O projecto nasceu em 2008 e aproveitou todas as zonas de um antigo Jumbo 747 das companhias Singapore Airlines e PanAm. O hostel chama-se Jumbo Stay e tem cafetaria...

 

 

novidade! novidade! abriu um novo restaurante japonês no centro de lisboa e já lá fomos

Chama-se Tsubaki, que significa “camélia” e abriu no início do mês no Turim Saldanha Hotel, perto da maternidade Alfredo da Costa. E a melhor notícia é que tem como consultor um dos mais conceituados chefs nacionais de gastronomia asiática, o incrível Paulo Morais (ex QB e ex-Umai). E melhor ainda: já lá fomos!

Restaurante Tsubaki 1.jpg

 

 

o lanche irresistível para levar para a praia: as maravilhosas mini-madalenas de amêndoa e pistácio da eric kayser

1167607_707359695945145_361230108_o.jpg

Estou perdido. Irremediavelmente perdido. Desde que descobri as mini-madalenas da Eric Kayser, a minha vida mudou – e a minha barriga também. Acabaram-se os palitos de cenoura e os wraps saudáveis na praia. Agora, não consigo sair de casa sem um saquinho de papel com uma dúzia de bolos que vou devorando enquanto penso que, se calhar, devia ir andar um bocadinho a pé.

As mini-madalenas (ou financiers, no original) têm o tamanho ideal para não nos fazer sentir culpados. E são absolutamente viciantes. Feitos com uma mistura de farinha e amêndoa moída, têm um sabor delicioso e delicado. A textura é suave e macia. Mas o melhor é o interior dos bolos: cada vez que trinca (neste caso, em duas trincadelas vai tudo), encontra uma massa húmida e nada enjoativa, com um delicadíssimo travo a manteiga – não sei que manteiga é que é usada, mas adoraria descobrir.

 

 

o licor de laranja orangea, a melhor surpresa do ozadi hotel em tavira

Fomos jantar ao renovado Ozadi, em Tavira, porque estávamos com curiosidade de conhecer o hotel e o restaurante, claro. Ele mais do que eu, porque confesso que não me apetecia nada enfiar-me num hotel em plena estrada nacional 125. Apetecia-me olhar para o mar não para os carros a passar. Mas lá fui pouco convencida. E ainda bem que fomos.

11144091_1053469878014135_1219800788613025353_o.jp

 

 

como fazer as panquecas mais leves e fofinhas do mundo

Primeira pergunta que deve fazer: mas este bem-intencionado já provou todas as panquecas do mundo para estar com frases definitivas destas? Hmmm... deixe-me cá fazer umas contas... consultar umas notas... na verdade... não. Não provei. Confesso. Admito o ligeiríssimo exagero. Mas tenho um argumento a meu favor. Chama-se The Kitchn e é um dos meus sites preferidos de comida. E, quando o The Kitchn diz, eu redigo. Especialmente numa altura destas: férias, verão, crianças em casa, panquecas na mesa. É uma combinação perfeita. E irresistível. 

Por isso, vamos à fórmula secreta. A técnica foi publicada, pela primeira vez, em 2010. E desde então tornou-se um sucesso tão grande que foi integrada no livro de culinária do site. O segredo é separar a gema das claras e só juntar estas no fim, quando tudo estiver pronto. Sem estarem batidas nem nada. Só misturadas. Resultado: as panquecas ficam mais macias e leves. Sem aquela textura farinhenta e seca. Mas, se quiser seguir a receita completa, vamos a isso.

2015-08-17-Pancakes-25.jpg

 

brownies de batata doce sem glúten, uma sobremesa deliciosamente saudável

Estão a ver aquelas crianças que não conseguem parar de comer smarties ou outra guloseima qualquer? Vão tirando uma e mais outra, e só mais uma. E quando acham que não estamos a olhar, ainda tiram mais duas? Os nossos filhos são assim, claro. Mas o mais grave é que eu também sou assim quando vejo brownies à minha frente. Porque será que não enjoo? Não consigo parar. Sou uma brownieólica… Assumo. Por isso, fiquei em transe quando descobri estes brownies saudáveis. Ainda por cima, esta receita do incrível blog the awesome green tem como um dos principais ingredientes a infalível batata doce. Sem glúten e sem açúcar, é pura e simplesmente deliciosa.

Sweet-Potato-Brownies.jpg

 

 

omelete de claras feita numa caneca: o pequeno-almoço mais prático e saudável

A clara está para o ovo assim como a Maria de Belém está para o PS: ninguém dá nada por ela, mas, de um momento para o outro, pode tomar conta da próxima festa. E enquanto Maria de Belém vai distribuir sorrisos na campanha eleitoral para Belém (Belém para Belém), nós fazemos a festa ao pequeno-almoço. Com esta indispensável receita do blog Tone and Tighten.

Mas primeiro vamos à nossa pequena campanha eleitoral. Para pessoas com uma certa idade, como este vosso prezado amigo, o colesterol é um drama. E os ovos estão entre os alimentos com mais colesterol. Pois fique vosselência sabendo que toda essa quantidade astronómica de colesterol está na gema. Mas há mais. Além de não ter colesterol, a clara praticamente não tem gordura (atenção Ela!) e tem apenas 16 calorias. Em compensação, tem muitas das proteínas que existem num ovo. Acabado este pequeno tempo de antena, confesse lá: em quem é que vai votar? Cá em casa já está decidido: clara para Belém – ou para a mesa.

egg-white-omelette-in-a-mug.jpg

 

novidade! novidade! abriu em junho o monte do cardal, um novo turismo rural em odeceixe

46817366.jpg

Abriu no princípio do mês de junho e arrisca-se a ser um caso sério de sucesso. Confesso que o nome me fez voltar à infância. Lembram-se da icónica música celebrizada por Manuela Moura Guedes? “Foram cardos, foram rosas…” Pronto, estou com a música em loop na minha cabeça. Já não há nada a fazer.

 

salada de rúcula com uvas, cajus, trigo integral e vinagrete de pimenta preta, um prato para refrescar o antónio costa

Depois de mousses de chocolate, depois de tostas com queijo crocante, depois de sopas de peixe dentro de pães algarvios, estou de castigo. Ela proibiu-se de cozinhar qualquer prato com mais de 20 calorias. Por isso, os próximos dias vão ser de saladas, legumes e alguma água. É verdade que esta deliciosa receita do fantástico blog Pinch of Yum, um dos meus favoritos, vai ligeiramente para lá das 20 calorias, mas como Ela ainda não encarnou no corpo da Ágata Roquette acredito que não perceba a pequeníssima diferença de 286 calorias que separam as 20 das 306. Seja como for, é light. E saudável. E deliciosa.

Arugula-Salad-with-Grapes-2-3.jpg

 

 

mousse de chocolate e coco só com 3 ingredientes: há melhor maneira de começar a sua semana?

A mousse de chocolate é para mim um dos pratos mais maravilhosos que a Humanidade já conheceu. E continua a conhecer. Cada vez mais. É por isso que eu passo metade do meu dia a pesquisar novas formas de fazer mousse de chocolate. E outra metade a comê-las. Adoro a mais tradicional e simples de todas as mousses, gosto ainda mais se lhe puder acrescentar café e até como mousse de chocolate com húmus, com abacate ou com banana

Foi, por isso, no estado de mais profunda euforia que encontrei esta última receita para a Minha Enciclopédia Universal da Mousse de Chocolate: mousse com coco. E sabe que mais? Só leva três ingredientes. Veja lá se não vale a pena perder a cabeça com isto...

IMG_4115.jpg

 

 

tostas de queijo de cabra com presunto e figos, a minha última tentação

Hoje estou feliz. Ainda consegui encontrar figos no supermercado. É mais ou menos o mesmo tipo de felicidade que os meus filhos expressam quando chego a casa com um frasco de Nutella. E agora o que fazer com eles? Num dia normal, tiraria do saco e não chegariam ao frigorífico. Mas hoje, vou acrescentar só mais algumas calorias a esta tentação, que por acaso é a minha fruta preferida. Vou fazer esta incrível receita do blog Renée Kemps para me desgraçar de vez. Se é para cair em tentação que seja em grande estilo.

tartinefinal3.jpg